leitores via feed assinar feed do blogassine textura por email

15 agosto, 2006

siameses

por valéria tarelho

somos os mais íntimos
os mais enigmáticos

mesclamos nossas peles
com a pleura da palavra
somos sílabas singulares
sem sofismas plurais

somos os mais cúmplices
parecemos os mais complexos
possuímos o mesmo álibi

o teu veneno é mel
o meu tanino é céu

meu e teu o suor sob
um sol de meia-noite
teu e meu o soro sobre
o húmus dos insones

só nosso
o endereço do segredo
confinado em um quarto
crescente
[fonte das sedes
foco das fomes
fólio de sucessivas mortes]

e mudos e desnudos
e completos
seguimos rumo
ao cimo do sigilo

pátria dos prazeres
secretos

solo do intraduzível

língua onde nós
nos confundimos


valéria tarelho

Bookmark and Share

2 comentários:

Anônimo disse...

Vou guardar mais esta jóia, junto das outras suas.

vαℓéя!α tαяeℓhσ disse...

bijou ;)