Pular para o conteúdo principal

eu não me chamo sharon stone

poemas
apenas
porque
não sei
cruzar
as pernas

para te manter
atento
teso
aceso

lendo-me
por dentro


valéria tarelho


Comentários

Anônimo disse…
leitura dinâmica...



en(s)tranha and maravilhas.

a poesia escorre de você com uma facilidade impressionante.



virall um expectador atento ao tempo, que hora passa, ora, e pede prá ficar.

Postagens mais visitadas deste blog

despertar

Amores e amorinhas que seguem meu blog, desculpas duplas: pelo mofo da humilde residência abandonada e pela avalanche de atualizações que farei em junho. São cinco meses de bla bla bla para publicar, tenham paciência,  compreensão e muito "amô" por mim.

Beijos, beijos!

Val