Pular para o conteúdo principal

Por uma pétala



O que me primavera exatamente agora, são teus olhos de orvalho, tuas mãos (mágicas) jardinando meu solo e a lembrança de teu corpo fertilizando meu substrato.
Em tua vida sei que sou flor e fêmea. Acácia das tuas carícias. Orquídea fora de época.
Efêmera.

Comentários

Anônimo disse…
terra Santa.


vVv

Postagens mais visitadas deste blog

despertar

Amores e amorinhas que seguem meu blog, desculpas duplas: pelo mofo da humilde residência abandonada e pela avalanche de atualizações que farei em junho. São cinco meses de bla bla bla para publicar, tenham paciência,  compreensão e muito "amô" por mim.

Beijos, beijos!

Val