Pular para o conteúdo principal

engatando a quarta

o que nos reserva esta quarta que permeia a semana, inaugurando a primavera? com que mistério ela - quarta-fértil - trata o solo para que haja colheita farta nas mais improváveis datas e longínquas searas (onde olhares não alcançam). sob que pretexto ela - quarta-fênix - semeia amanhãs em terras onde jamais? por que renasce onde há extensa seca (onde sabe-se que quase nada vinga)? com que constância virá preceder minhas alegorias (de quinta)?

quais os teus fins, querida quarta? quem teus reféns, por hoje? que espécie de encanto há no grão que germina em teu jardim, neste setembro pronto para partir?

aguardo, ansiosa, tuas mágicas respostas.


valéria tarelho
quarta-feira, 23.09

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

despertar

Amores e amorinhas que seguem meu blog, desculpas duplas: pelo mofo da humilde residência abandonada e pela avalanche de atualizações que farei em junho. São cinco meses de bla bla bla para publicar, tenham paciência,  compreensão e muito "amô" por mim.

Beijos, beijos!

Val