Pular para o conteúdo principal

typo

helvetica
georgia
lucida
às vezes
verdana

 descrevo sua
falácia em bold
com essas fontes
nada comics

 depois me rasgo



valéria tarelho







f[r]ase

“a mentira tem pé na culpa”




valéria tarelho
*escritoras suicidas, dez/2013
** encontrei Clarice  aqui

Comentários

Anônimo disse…
:)
alex ci disse…
Valéria, finalmente retorno a acompanhar seus poemas e atividades: foragido da Capital de SP fui para Riolândia, a última cidade daquele quadrante paulista: RIVERLÂNDIA!!!! Você continua ótima!