leitores via feed assinar feed do blogassine textura por email

19 dezembro, 2013

cantilena para pirilampos

por valéria tarelho em


quando o amor 
amanhe_céu
era boca da noite

sol  já l_ia ao longe
lua se escre_via logo ali 
:
anoitava em
cada alínea
uma estrelinha

[ nesse encanto alumiado
eustrelava na cantiga
que o amor 
youniversava ]

Bookmark and Share

Um comentário:

Anônimo disse...

é muito lindo tudo isso.



ah.nônimo