Pular para o conteúdo principal

sem fantasia




vem menino
despindo alegorias
para que te vejas
nítido

e ainda assim
vestindo
transparências

me surpreenda


valéria tarelho

Comentários

Leonardo B. disse…
[poeta cantor fica despido, só, sem esse baile de máscaras de palavra à solta: fica um esqueleto sem sentido!]

um imenso abraço, Valéria

Leonardo B.
bela inspiração da música de CHico Buarque!
gostei!
sidnei olívio disse…
Tempos de Facul, cantava no coral (pasme!rss) e formávamos um madrigal em rodas de conversa, festinhas etc., e era essa música do Chico que rolava sempre. Boas lembranças, linda música, ótimo poema. Beijos. (thanks pela "buzzada")
jdariosjunior disse…
Lindo, lindo...só vc pra expressar tão bem..