Pular para o conteúdo principal

ardendo por aí II

Aí tem dedo de moça...


Por Jussara Salazar


No dia 19 de dezembro de 2009, o sonho de algum tempo foi materializado: o lançamento de Dedo de Moça — Uma Antologia das Escritoras Suicidas (Editora Terracota, org. de Silvana Guimarães e Florbela de Itamambuca). São trinta escritoras, que há quatro anos estão no ar com seus textos, no site que leva o mesmo nome, Escritoras Suicidas, espaço onde não há questões de gênero, número ou grau, e que para além da mesmice ou do ranço dos grupos fechados, carrega o segredo e a esperteza da escuta e da escrita. Meninas e meninos. Todo mundo fica feliz quando sai uma nova edição, todo mundo vota os temas, a palavra é sempre de todas, e talvez aí esteja o mistério do “território místico e mágico”, segundo a definição de Nelson de Oliveira, que assina a orelha do livro. Repartimos o pão todos os meses, religiosamente profanas, desbocadas ou recatadas, o que vale é escrever, sem limites e com a graça humana de sermos tão literariamente e assumidamente um site de moças de todos os gêneros. Aqui dá pra conferir uma “prova” do livro, em sete poetas, só porque não cabia todo mundo, que também é só ir até www.escritorassuicidas.com.br para conferir que “elas estão vivas!” (como disse Guttemberg Guarabyra na apresentação da antologia). E os textos que o digam.

~> leia mais em Cronópios


Comentários

Anônimo disse…
Valium e Viúva Negra,

Uma pitada de Val...

tá feito o feitiço, deixe-se encantar.



Viral (sei que não presto, mas tenho um excelente bom gosto)

Postagens mais visitadas deste blog

despertar

Amores e amorinhas que seguem meu blog, desculpas duplas: pelo mofo da humilde residência abandonada e pela avalanche de atualizações que farei em junho. São cinco meses de bla bla bla para publicar, tenham paciência,  compreensão e muito "amô" por mim.

Beijos, beijos!

Val