leitores via feed assinar feed do blogassine textura por email

18 maio, 2009

[v]idas secas

por valéria tarelho em , ,


imagem © flickr: _nocturama



maio
ao meio

mães
dão adeus
a seu
mês

[nas mãos
um aceno
com murchos
buquês ]


valéria tarelho

Bookmark and Share

3 comentários:

Renata de Aragão Lopes disse...

É bom, Valéria,
ver como tudo lhe inspira!

Pois, sim,
todos os buquês de maio
murcharam...

Com uma ressalva, espero: os das noivas! rs

Anônimo disse...

...sensível por inteiro, deve ser meio assim, toda você, tudo em você.
Desmaio minhas mãos em reverência a seu talento.
No momento, é tudo que consigo balbuciar.

viral (minúsculo diante de ti)

Ricardo Mainieri disse...

Como digo em um poema: o dia das mulheres deveria ser todo o dia, assim como o dia das mães
Carrego em mim a imagem de minha falecida mãe e sua dedicação aos seus pimpolhos.
O melhor exemplo do amor incondicional.
Sensível poema.

Beijão.

Ricardo Mainieri