Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Março, 2007

evidência

é sempre ele
que ilumina o
outdoor da dor

ele que num piscar
[neon ou não]
faísca
afasta o fosco
ajusta o foco
filtra

ele
meu sol
meu pixel

ele bright
holofote
spot
flashlight

ele fosforescência

estrela que entra
sai de cena
deixa
todas as luzes

tesas


valéria tarelho

convite

A CAPITAL PAULISTA RECEBE “ESTILHAÇOS NO LAGO DE PÚRPURA”

WILMAR SILVA COM 20 ANOS DE POESIA LANÇA SEU LIVRO EM SÃO PAULO COM PARTICIPAÇÃO DE POETAS E ARTISTAS

O poeta, performer, editor, curador do projeto Terças Poéticas e artista Wilmar Silva comemora 20 anos de poesia e lança dia 28 de março de 2007, quarta-feira, a partir das 20h, na Casa das Rosas, Av. Paulista - 37, São Paulo, SP o livro Estilhaços no Lago de Púrpura (poesia, anomelivros, Belo Horizonte, MG, 88 páginas, 2006, R$ 25), com a leitura pública Vozes aos Estilhaços no Lago de Púrpura e contará com a participação dos compositores Reynaldo Bessa e Luhli, os poetas Carlos Savasini e Eduardo Lacerda, os jornalistas Toninho Spessoto e Fabian Chacur, entre outros 14 convidados.

Diferente dos lançamentos tradicionais este envolve participantes e público numa viagem poética e com performances especiais de Wilmar Silva.

Estilhaços no Lago de Púrpura é o 12º livro de poemas de Wilmar Silva, uma das vozes mais vivas, lúcidas e impo…

poesia visual

na foto: neto ou neta de poeta