Pular para o conteúdo principal

inverno

descolar a retina
do clima
perder o tino
em outro outono
atear fogo em
folhas nuas
frases fakes
filmes de quinta

arder dutras distâncias
queimar sennas urgências
incendiar ene estações

suar
na ânsia da sua [fria]
paulicéia


valéria tarelho
** tem post novo no impura poesia.

Comentários

à sampa, "o avesso, do avesso, do avesso, do avesso", onde "eu vejo surgir teus poetas e campos e espaços".
Anônimo disse…
genial...
Você.

Viral.
Branco Di Fátima disse…
Você já cresceu menininha. Os poemas são lindos. Depois... entra no meu blog

www.brancodifatima.blogspot.com

abraços