Pular para o conteúdo principal

vínculo

casamento
- a rigor -
é
terno


não esquento
com a etiqueta
e - a seco -
passo bem


valéria tarelho

Comentários

marvin disse…
Surpreendemente óbvio...
Inovador a cada instante.
marvin disse…
Surpreendentemente óbvio...
(desculpe o mal-digitar)
Mirella disse…
Kramba, Val! Como vc consegue por o comum, algo que vemos todos os dias, desse jeito? Ficou 100SACIONAL!

Essa vc LAVOU A SECO!

1bjo,
Mirella: a versão original tinha algo de "passo a seco" ;o)

Marcos: don't worry, isso acontece (se eu tivesse mais intimidade, diria que foi um problema de BIOS ~> não me mate ;o))
julinho disse…
É, se não fosse Tarelho, seria de espantar não é mesmo?
cíntia disse…
oi valéria. cheguei aqui atrás de haikais... p.leminski me mostrou teu caminho. adorei. voltarei!
beijos
Moacir Caetano disse…
o meu não me cabia mais...
tive que desvestir!

mas agora já encontrei um casaquinho novo, quentinho...
Guto Leite disse…
Maravilhoso, Valéria! Sucinto, polissêmico, o melhor até agora dos que já li.
O que é mais fácil de fazer: uma pétala ou a Torre Eifel?
Você é poeta (com todo o peso que acho que essa palavra tem).
Henrique disse…
Tua sina é tecer-te
téte-a-téte
lado de dentro da
bolha de sabão
Linaldo disse…
rs delicioso, varélia... assino embaixo
Mirella disse…
Val,
Publica a versão original ou mande-me por email, pode ser ?!?
1bjo meu,
Geórgia disse…
Essa é a Valéria Tarelho! Sensacional!!!!!!!