Pular para o conteúdo principal

camuflagem

hoje, sexta-feira
estou mais ativa
fim de semana recebo visitas
com essa cara
de paisagem futurista

segunda, dia de pasmaceira
desfaço a maquiagem
e volto a ser eu lesma

arrastando pela casa
essa minha natureza-
cinza

valéria tarelho

Comentários

Suzana Prado disse…
Val, querida !! Tb tenho fiado meus dias em lágrimas cinzas...espero q amanhã possa colher um belo girassol de maio...bjs !!!
Anônimo disse…
na sexta-feira
sou do tamanho do país.
na segunda,
do meu quarto.

e descanso no oitavo dia,
quando sou do meu tamanho.


AC
Julliana disse…
Ai ai ai ... Sempre belos versos Valéria. Já te disse que a sensação que eu tenho quando te leio é sempre "Caralho!", seguido de uma batida na mesa!? Pois é essa impressão mesa-de-bar que me toma quando eu te leio. Essa é mais daquelas simples e transitivamente diretos. Adoro tu sem arrodeios!
Ah! Gika mandou beijos... E eu tenho certeza de que Gui e Kaco também.

Xêro...
Ricardo Mainieri disse…
Vc. fala : eu lesma
Nel Meireles fala : lesmas da solidão
Sincronicidade poética.
Ambos, excelentes.

Beijão.

Ricardo Mainieri
Anônimo disse…
um dia depois do outro
- como gafanhoto

domingo e terça-feira
tudo a mesma besteira

o que vale é acordar
domingo
- sorrindo

Nel

Postagens mais visitadas deste blog

despertar

Amores e amorinhas que seguem meu blog, desculpas duplas: pelo mofo da humilde residência abandonada e pela avalanche de atualizações que farei em junho. São cinco meses de bla bla bla para publicar, tenham paciência,  compreensão e muito "amô" por mim.

Beijos, beijos!

Val