Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Dezembro, 2008

não provoque

Então, é Natal...

No Casulo

Meus poemas publicados no jornal O Casulo, ed. 10, lançado ontem.


C’as mões


Não sei escrever sonetos.
Não consigo medir o tamanho
dos desastres que escrevo,
nem as consequências das burradas que faço.
No máximo, rabisco uns poemas caolhos,
inspirados nos meus percalços.
E a vida me dá o troco:
ora em aplausos, ora em socos.


(Livro da Tribo, 2005)



súplica


tenho dois olhos
[mudos ]
que se recusam
a ver o óbvio

uma boca
[cega]
que se nega
a dizer adeus

um coração
que pensa
uma cabeça
que pulsa

e estas mãos
[descalças]
ajoelhadas
a teus pés


(Antologia Poetas do Brasil, vol. 3, do Proyecto Cultural Sur/Brasil)



único


é um homem do tipo
ame
ou
ameace

há quem o chame
há quem o rechace

não existe ser vivo
por quem passe
batido

acho um charme
o ar de deboche
daquele atrevido

é meu número
e usa disfarce
de exclusivo



gala


seria adequado
se você pintasse aqui
seria um quadro surreal
salva dor
dali



opostos


sua coca light
destoa
de meu vinho tinto

seu terno de linho
desalinha
meu jeans surrado

seu cabelo grisalho
meus fios tingidos

seu olhar atrevido
o meu di…

Convite

Lançamento do jornal O Casulo

clique na imagem para ampliá-la


* capa e ilustrações de Marina Faria * entrevista com o poeta Armando Freitas Filho - por Renan Nuernberger * seção Diversas Vozes com uma seleção de poetas nacionais * +3 poetas: Valéria Tarelho, Márcio-André e Danilo Bueno * crônicas de Andréa Catrópa e Elisa Andrade Buzzo * tradução de poema da canadense Kim Doré - por Juliana Bratfisch * crítica da obra do poeta Paulo Ferraz - por Renan Nuernberger * crítica do livro de poesia de Diniz Gonçalves Jr. - por Flávio Rodrigo Vieira * texto em homenagem a José Paulo Paes - por Juliana Bratfisch * história em quadrinhos de Jozz * foto de Sissy Eiko O jornal é distribuído gratuitamente com o apoio do projeto VAI da Secretaria de Cultura de São Paulo. Durante o lançamento haverá um bate-papo sobre o poeta José Paulo Paes, uma apresentação de Márcio-André e um sarau aberto os poetas publicados. Sinta-se a vontade para ir, pegar seu exemplar do jornal e ler seus poemas no palco. Aguardo …

Poema Dia

Estou lá hoje, dia 14, domingo, de um dezembro quase ao meio.

http://www.poemadia.blogspot.com

Quem puder compareça, conheça, reconheça!
Comentários, críticas, sugestões, receitas de um poema melhor, serão bem recebidos :)

Carinho,
Val

conjugar você

eu não te busco
em outros braços
se em sonhos lúcidos
meus e teus encaixes
se embaraçam

possuo um desejo
insensato - e são -
que não mato em endereço
diverso do teu e meu
- tão nosso - "espaçodentro"

[lugar incerto onde corpos
ocupam arquitetam copulam
sob mesmo teto]

não gozo com
este ou aquele
subterfúgio
assim como
dispenso o número
do orgasmo
supérfluo

vou direto
ao - teu - centro
ao – meu - direito
ao – nosso – verso

correto
é todo movimento
que nos vire
- vare [a]varie -
do avesso

correlato
é conjugar você
de cima a baixo
no temp[l]o amor
do verbo sexo
[que eu invento]

te quero
músculo
másculo
mescla dos sumos
que somamos

onde ainda
nem somos
eu te acho

enquanto te aguardo
eu me basto


valéria tarelho
vídeo: verbos sujeitos - zélia duncan

pecado original

se eva me ouvisse
[e não à serpente]
teria (a)provado
outro fruto
algo menos verde
maduro de tudo

aguardaria no éden
novo élan da criação:
um tipo james dean
um ar de alan delon
um it brad pitt

[ou qualquer um
dos james bond]

adão?
[tsc tsc tsc]
puta falta de opção!


valéria tarelho
publicado no livro da tribo 2009
vídeo: comercial para a companhia de seguros centraal beheer, da holanda

um texto por dia

"Poema Dia" estreou hoje, com o poema Pétala, de Victor Barone. A proposta é reunir 28 poetas e escritores em um mesmo "point", cada qual responsável por determinado dia do mês. A variedade de "vozes" dá o toque ímpar e necessário; a leveza está no leque de opções que pretende (e irá) arejar seus dias.

Agendei nosso encontro para todo dia 14 :)

Conheçam: http://poemadia.blogspot.com